A criança é, ou deveria ser, o cerne de toda a ação pedagógica, o motivo pelo qual a escola se estrutura, os professores se dedicam, se inventam e reinventam, a rotina e o tempo são organizados, o espaço e os materiais são planejados, enfim, o fio condutor de todo o fazer diário.

E a Coleção Girolhar buscou olhar primeiro para a criança, seus “despertares”, seu imaginário, suas expectativas, para oferecer um material lúdico, que parte dos conhecimentos prévios, dos saberes infantis, de suas vivências próprias para promover uma educação criativa, crítica e divertida!

A concepção de ensino e de criança da Coleção Girolhar fica evidente em cada item que compõe o material. Desde as opções terminológicas adotadas – como o uso do termo criança em vez de aluno e sala de referência, em vez de sala de aula -, até o extremo cuidado estético de cada pedacinho do material são exemplos de nossa determinação em colocar a criança no centro do processo de aprendizagem. Mais do que isso, de valorizar a criança como condutora de várias etapas do processo de aprendizagem.

Os livros e outros materiais que compõe a Coleção foram pensados e concebidos para uma criança cidadã, uma criança ativa, protagonista, que interage, que é produto e ao mesmo tempo produtora de cultura, que já traz consigo muitos conhecimentos e experiências e que se expressa de muitas, muitas maneiras. Crianças que têm uma maneira peculiar de pensar, de imaginar, de brincar, que têm ritmos de aprendizagem e de desenvolvimento singulares, que devem ser respeitadas como seres únicos e, ao mesmo tempo, diversos.

Crianças que correm, pulam, dançam, cantam, desenham, imaginam, descobrem, inventam, pesquisam, criam, sonham, choram, gesticulam, gritam, gargalham, sonham, sentem, brincam, enfim vivem!

Acesse nosso Instagram e se inspire nas escolas que já estão usando a Coleção Girolhar e mostrando como o protagonismo das crianças é uma excelente ferramenta de aprendizagem: https://instagram.com/edebebrasil/